Guarda Compartilhada: Entenda como funciona e tire suas dúvidas!

guarda compartilhada
Relacionamento

Ter filhos é o sonho de vários casais apaixonados, porém com o passar dos anos muitos casais acabam se separando e com isso acabam surgindo muitas dúvidas sobre quem irá ficar com os filhos. É muito comum que tanto a mãe como o pai queiram ficar com os filhos, e por isso pode ser que eles optem pela guarda compartilhada, assim ambos poderão ter o mesmo contato com o filho e com sua educação.

Você provavelmente já deve ter ouvido falar em guarda compartilhada, mas você sabe o que é e como ela funciona? Ainda não? Então continue lendo esse artigo e veja a seguir a resposta para todas essas perguntas.

O que é?

Na guarda compartilhada o pai e a mãe da criança terão os mesmos direitos, deveres e obrigações com a criança, assim os dois deverão sempre priorizar o interesse do filho e dar a ele boa educação.

Os pais deverão estar sempre a par de tudo o que acontece com a criança, independente dela estar na casa de um ou do outro, pois juntos eles criarão e educarão a criança, mesmo sem que eles (pais) tenham uma relação.

Como funciona?

O funcionamento da guarda compartilhada é bem simples, os pais deverão compartilhar os deveres e obrigações para dar aos filhos a melhor criação possível.

Mas ao contrário do que muitas pessoas pensam a guarda compartilhada não significa que os pais deverão passar tempos iguais com a criança, pois quando a criança mora em duas casas, ela pode ter seu desenvolvimento afetado.

Quando os pais resolvem ter a guarda compartilhada dos filhos, todas as atividades cotidianas deverão ser compartilhadas, como por exemplo:

  • Participação da vida escolar da criança
  • Questões de saúde
  • Autorizações para viagens e passeios
  • Todas as decisões que interferem no desenvolvimento do menor.

Além do mais, quando os pais optam por ter a guarda compartilhada dos filhos, eles deverão entrar em acordo sempre que forem tomar uma decisão em relação à vida da criança.

Pensão

A regra da pensão alimentícia para o filho não irá se alterar na guarda compartilhada, ou seja, os pais não deverão arcar cada um com 50% dos gastos da criança.

O juiz é quem irá determinar quanto cada um dos pais deverá pagar de pensão ao filho, o valor será avaliado conforme a situação financeira de cada um. Além do mais, o dinheiro referente a pensão ficará com a pessoa na qual a criança está morando.

Mesmo que a mãe não queira, atualmente com as mudanças da lei da guarda compartilhada, na maioria das vezes os juízes optam por dar esse tipo de guarda aos pais.

Convivência alternada?

A guarda compartilhada não é o mesmo que convivência alternada. Quando os pais optam por ter a convivência alternada dos filhos, significa que os filhos viverão com os dois em períodos iguais, ficando alguns períodos com a mãe e outros com o pai.

Esse tipo de convivência pode não ser a melhor opção para a criança, pois pode atrapalhar no desenvolvimento dela, visto que estará residindo em dois ambientes diferentes e muitas vezes com regras distintas.

Ficou alguma dúvida? Deixe um comentário!

Nenhum comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ter amor de voltar
Relacionamento
Como recuperar um amor perdido? Saiba como fazer ele se reapaixonar!

O término de um relacionamento pode ser muito traumático para a maioria das pessoas, e para muitas delas, a única saída é recuperar o amor que se foi e voltar a ser feliz a dois. Sabemos que em muitos casos, o melhor mesmo é a separação do casal, para o …

amor platonico
Relacionamento
Amor Platônico: O que é? Saiba identificar se você tem um desse!

O amor é um sentimento muito bonito, porém ele fica ainda mais belo quando é correspondido. O que acontece é que nem sempre isso é possível, e muitas vezes uma pessoa acaba tendo um amor platônico pela outra, o que pode gerar muita dor e sofrimento. É bem provável que …

Relacionamento
Dar um tempo no relacionamento: Vale a pena?

Se relacionar é muito bom, pois você conhece pessoas diferentes e tem uma  experiência nova com coisas que nunca imaginou ter. No começo do relacionamento, tudo são flores, porém depois é que começam as desavenças que podem acabar prejudicando a relação. Inúmero são os fatores que podem ocasionar em brigas …